Você está visualizando atualmente O Ataque Hacker à Prefeitura do Rio de Janeiro e o que fazer na falta de emissão de Nota Fiscal

O Ataque Hacker à Prefeitura do Rio de Janeiro e o que fazer na falta de emissão de Nota Fiscal

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, informou, nesta quinta-feira (18), que houve uma tentativa de roubo de dados sigilosos durante o ataque hacker, que tirou os sistemas da prefeitura do ar na madrugada desta segunda (15).

Não foi fornecido texto alternativo para esta imagem

“Logo que a gente percebeu essa ameaça, as equipes técnicas da prefeitura tiveram que tirar todos os serviços do ar preventivamente para proteger a população e proteger os serviços da prefeitura“,

disse Paes, em um vídeo publicado em suas redes sociais.

O prefeito afirmou que as equipes já estão trabalhando para restabelecer os serviços. “A ordem que a gente tem de quem entende do assunto é que os serviços só sejam plenamente restabelecidos quando a gente tiver muita certeza de que não tem nenhuma informação particular de nenhum carioca em risco”, acrescentou.

Paes disse que os dias de instabilidade dos serviços oficiais não serão contados como dias úteis para fins de vencimentos de impostos e outras contas que dependem desses sistemas.

“Em caso de mais dúvidas e informações, eu estou pedindo para todo mundo acessar as contas oficiais da Prefeitura do Rio nas redes sociais. Por lá, a gente está tentando manter vocês informados em tempo real sobre tudo que está acontecendo”, acrescentou.


Ataque hacker tira do ar sistemas da prefeitura do Rio de Janeiro

prefeitura do Rio de Janeiro detectou um ataque hacker aos sistemas do município na madrugada de segunda-feira (15). O site oficial e os serviços do Carioca Digital foram suspensos de forma preventiva.

Em nota, a prefeitura informou que a equipe do Iplan (empresa municipal de informática) trabalha para recuperar o datacenter municipal. Não há previsão para o restabelecimento do sistema.

Na Secretaria Municipal de Saúde, o atendimento aos pacientes e o Sisreg – programa de regulação de atendimento em unidades de saúde pública – não foram afetados, mas algumas unidades de saúde que funcionam com a rede do Iplan não puderam fazer a inserção de pedidos de exames e consultas nos sistemas de regulação.

Não houve suspensão de aulas em função do ataque hacker na rede municipal de ensino. Os CRAS (Centros de Referência de Assistência Social) estão com seus sistemas fora do ar para a realização de inscrição do CadÚnico. Já o Centro de Operações, o 1746 e o aplicativo Táxi Rio operam normalmente.

Ainda no comunicado, a prefeitura pede a compreensão da população e ressalta que os servidores do Iplan trabalham para que o sistema volta a sua normalidade o mais breve possível.

Fonte: https://www.cnnbrasil.com.br/nacional/ataque-hacker-tentou-roubar-dados-sigilosos-da-prefeitura-do-rio-diz-paes/


O comunicado da prefeitura

COMUNICADO

Os sistemas da Prefeitura do Rio sofreram um ataque hacker na madrugada de segunda-feira, 15/08. Todos os serviços do Portal da Prefeitura foram retirados do ar preventivamente para garantir a proteção dos dados.

Estamos trabalhando para amenizar os transtornos causados aos cariocas e para que os nossos sistemas voltem à normalidade o mais rápido possível. O crime foi registrado na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática para que o responsável seja identificado e punido.

IMPORTANTE

Os dias em que o sistema está fora do ar não serão considerados dias úteis para fins de vencimento de

tributos e nenhum contribuinte será prejudicado.

Nota Carioca

Os contribuintes que emitem a Nota Carioca podem preencher um Recibo Provisório de Serviço (RPS) e realizar a substituição pela Nota Carioca posteriormente. Você pode adquirir o RPS em uma papelaria ou imprimir o modelo disponível no site: https://bit.ly/rps-rio. O documento precisa ter todos os dados que serão utilizados para preencher a Nota Carioca depois, como nome e CPF ou CNPJ do tomador de serviço, valor da nota e serviço prestado.

Emissão de carnê do IPTU

As guias do IPTU devem ser pagas no início de cada mês. Para quem não conseguiu quitar até o vencimento, lembramos que o valor da multa mensal é fixo e vale até o último dia útil de agosto.

Emissão de guia de recolhimento do ISS

As guias de pagamento de ISS vencem no início do mês. Se por algum motivo o contribuinte não tiver realizado o pagamento dentro da data de vencimento, é válido lembrar que o valor da multa mensal é fixo e vale até o último dia útil de agosto.

ITBI

As guias de ITBI emitidas no site podem ser pagas até a data de vencimento, que é o prazo de 30 dias após a emissão. Se algum contribuinte com guia em vencimento nesses dias não fez a impressão do DARM, deverá ser gerado um novo protocolo com uma nova data de vencimento. As guias de ITBI que são emitidas após a escritura do imóvel, com incidência de mora ou multa, têm o mesmo valor até o último dia útil do mês.

Fonte: https://site.prefeitura.rio/


O que fazer na falta de emissão de Nota Fiscal

Com a suspensão de diversos serviços após um ataque hacker no Datacenter do município, como o portal Carioca Digital, a prefeitura do Rio deu orientações aos contribuintes em relação a cobrança de impostos enquanto os sistemas não forem restabelecidos. Ainda não há previsão para que os portais municipais voltem a funcionar.

Os sistemas da Secretaria municipal de Fazenda foram alguns dos retirados do ar preventivamente para, segundo o governo, preservar a integridade dos dados após o ciberataque, detectado pela prefeitura na madrugada de segunda-feira (dia 15).

Segundo a pasta, os contribuintes que recolhem o Imposto sobre Serviços (ISS) e que usam o sistema da Nota Carioca devem emitir um Recibo Provisório de Serviço (RPS), que substitui a nota fiscal eletrônica (NF-e) temporariamente.

O documento não possui um modelo específico, e pode ser comprado em papelarias. O contribuinte também pode imprimir um modelo pronto ou confeccionar um documento próprio com todos os dados que utilizará para preencher a Nota Carioca posteriomente – são necessários nome e CPF ou CNPJ do tomador de serviço, valor da nota e serviço prestado.

O recibo deverá ser convertido em Nota Carioca em até 20 dias corridos após a data da realização do serviço ou até o vencimento do imposto. Segundo a prefeitura, uma resolução deve ser publicada pela Secretaria de Fazenda para desconsiderar os dias de paralisação como dias úteis.

Este post tem 3 comentários

Deixe um comentário