You are currently viewing Quais os principais indicadores contábeis de um negócio?

Quais os principais indicadores contábeis de um negócio?

No gerenciamento de um negócio, é fundamental ter uma gestão eficiente de recursos e processos para ter uma empresa bem sucedida. Os indicadores tem um papel importante no controle do gerenciamento nos níveis operacionais, tático e estratégico. Na área contábil, os indicadores podem mostrar aos analistas qual o nível de solvência ou endividamento que a empresa se encontra naquele momento.  

Separamos nesse artigo quais são os principais indicadores contábeis que você como analista ou gestor precisa mensurar no seu negócio para garantir o sucesso na área contábil da sua empresa.  

1 – Índice de Endividamento Geral  

O índice de endividamento geral é tem como objetivo mostrar qual o nível de comprometimento da empresa em relação as suas dívidas. Esse indicador é expresso pela quantidade de capital de terceiros dividido pelo total de ativos da empresa e o resultado multiplicado por 100.  

Sua importância está em servir como indicador para tomada de decisão e entender se a empresa está endividada e com problemas financeiros, trazendo uma projeção do futuro em relação ao desempenho da companhia e expectativas no longo prazo.  

É importante salientar que esse indicador não traz resultados intangíveis, isto é, não mensura, por exemplo, retorno de investimentos em relação a dívida contraída. Uma empresa pode estar com alto nível de endividamento devido a investimentos em tecnologias que futuramente trarão retorno sobre o investimento.  

Fórmula para o cálculo do Endividamento Geral  

E = (capital de terceiros/ativo total) x 100 

2 – Índice de Liquidez 

Em contabilidade, liquidez pode ser entendido como a facilidade de um ativo transformar-se em dinheiro. Nesse indicador, o objetivo é medir a capacidade que o negócio tem de cumprir com as obrigações no curto prazo. Esse indicador divide-se em: liquidez seca, liquidez corrente, liquidez imediata e liquidez geral.  

A liquidez seca mensura se a empresa tem capacidade de cumprir com as obrigações de imediato, não levando em consideração o estoque no momento.  Seu cálculo é realizado pela fórmula:  

Liquidez Seca = (ativo circulante – estoque) / passivo circulante 

A liquidez corrente é a forma mais genérica da liquidez seca, leva em conta em seu cálculo o estoque. Sua fórmula é: 

Liquidez Corrente = ativo circulante / passivo circulante  

No ativo circulante temos caixa, estoque, contas a receber etc. No passivo circulante: empréstimos, dívidas com fornecedores etc.  

A liquidez imediata tem o objetivo de informar a capacidade da empresa de pagar contas com o que já tem de disponível na empresa ou ativo que será liquidado no curto prazo.  O cálculo do índice leva em consideração os recursos disponíveis e o passivo circulante.  

Liquidez Imediata = recursos disponíveis / passivo circulante   

Por fim, a liquidez geral mede a capacidade da empresa no longo prazo trazendo como comparação a situação da empresa no curto prazo.  Sua fórmula é descrita como:  

Liquidez Geral = (ativo circulante + realizável a longo prazo) / (passivo circulante + passivo não circulante) 

Com os índices bem mensurados e no controle da sua gestão, sua empresa estará com condições estratégicas de tomar decisões assertivas e ter uma saúde financeira mais bem planejada e dentro do desdobramento necessário para o crescimento sustentável da organização.  

Deixe um comentário