Você está visualizando atualmente O futuro da contabilidade: as novas tendências e tecnologias que irão impactar o cenário contábil em 2024

O futuro da contabilidade: as novas tendências e tecnologias que irão impactar o cenário contábil em 2024

O mercado contábil está em constante evolução, e as novas tecnologias estão desempenhando um papel cada vez mais importante na rotina dos profissionais do setor. Para 2024, algumas das principais tendências e tecnologias que devem impactar a contabilidade incluem:

1 – Contabilidade digital: a contabilidade digital é um conjunto de tecnologias e práticas que permitem a automatização e digitalização dos processos contábeis. Com a contabilidade digital, todas as operações contábeis são realizadas eletronicamente, o que agiliza os processos, reduz custos e aumenta a precisão das informações.

Vantagens da contabilidade digital:

  • Agilidade: a contabilidade digital permite automatizar tarefas repetitivas, como a conciliação bancária e o lançamento de notas fiscais. Isso libera o tempo dos contadores para se concentrarem em tarefas mais estratégicas, como o planejamento financeiro e a consultoria empresarial;
  • Redução de custos: a contabilidade digital elimina a necessidade de imprimir e armazenar documentos físicos, o que reduz custos com papel, tinta e espaço físico. Além disso, os softwares de contabilidade digital geralmente oferecem planos de assinatura acessíveis, que podem ser personalizados de acordo com as necessidades de cada empresa;
  • Aumento da precisão: os softwares de contabilidade digital são programados para realizar cálculos complexos com precisão. Isso reduz o risco de erros humanos e garante que as informações contábeis sejam sempre confiáveis.

2 – Inteligência Artificial (IA): a IA está cada vez mais presente na contabilidade, ajudando os profissionais do setor a automatizarem tarefas repetitivas, tomar decisões mais assertivas e fornecer insights valiosos para as empresas.

Aplicações da IA na contabilidade:

  • Automação de tarefas repetitivas: a IA pode automatizar uma ampla gama de tarefas contábeis repetitivas, como conciliação bancária, lançamento de notas fiscais, geração de relatórios e cálculos tributários. Isso libera o tempo dos contadores para se concentrarem em tarefas mais estratégicas, como consultoria empresarial e planejamento financeiro;
  • Análise de dados contábeis: a IA pode ser usada para analisar grandes volumes de dados contábeis, identificando padrões, tendências e anomalias. Isso ajuda os contadores a detectar fraudes, evitar erros e fornecer informações valiosas para a tomada de decisões financeiras;
  • Previsão de resultados financeiros: a IA pode ser usada para prever os resultados financeiros das empresas, com base em dados históricos e tendências do mercado. Isso ajuda os empresários a tomarem decisões mais informadas sobre investimentos, preços e estratégias de crescimento.
  • Tendências da IA na contabilidade para 2024:
  • IA cognitiva: a IA cognitiva é um tipo de IA que imita o raciocínio humano. Em 2024, a IA cognitiva deve se tornar ainda mais presente na contabilidade, ajudando os contadores a tomarem decisões mais assertivas e fornecerem insights valiosos para as empresas;
  • IA preditiva: a IA preditiva é um tipo de IA que usa dados históricos para prever eventos futuros. Em 2024, a IA preditiva deve ser usada para prever tendências do mercado, riscos financeiros e resultados financeiros das empresas;
  • IA conversacional: a IA conversacional é um tipo de IA que permite a interação natural entre humanos e máquinas. Em 2024, a IA conversacional deve ser usada para desenvolver chatbots e assistentes virtuais que possam responder a perguntas dos contadores e clientes, fornecer informações e suporte.

3 – Blockchain: a tecnologia blockchain tem o potencial de revolucionar a contabilidade, tornando as transações financeiras mais seguras, transparentes e eficientes. Em 2024, devemos ver um aumento no uso do blockchain na contabilidade, especialmente para a gestão de contratos e a realização de pagamentos internacionais.

Aplicações do blockchain na contabilidade:

  • Gestão de contratos: o blockchain pode ser usado para armazenar e gerenciar contratos de forma segura e transparente. Isso pode ajudar a reduzir o risco de fraudes e erros, além de aumentar a eficiência dos processos de auditoria e conformidade;
  • Pagamentos internacionais: o blockchain pode ser usado para realizar pagamentos internacionais de forma rápida, segura e barata. Isso pode ajudar as empresas a economizar dinheiro e reduzir o tempo de processamento de pagamentos;
  • Auditoria: o blockchain pode ser usado para melhorar os processos de auditoria, tornando-os mais transparentes e eficientes. Isso pode ajudar a reduzir o custo das auditorias e aumentar a confiança nas demonstrações financeiras;
  • Rastreabilidade: o blockchain pode ser usado para rastrear a origem de ativos e transações, o que pode ajudar a prevenir fraudes e lavagem de dinheiro;
  • Segurança de dados: o blockchain pode ser usado para armazenar dados contábeis de forma segura e imutável, o que pode ajudar a proteger as informações confidenciais das empresas.

4 – Cibersegurança:  com o aumento do uso da tecnologia na contabilidade, é importante que os profissionais do setor estejam atentos à cibersegurança. Os escritórios do setor armazenam e processam uma grande quantidade de dados confidenciais, como informações financeiras, dados pessoais de clientes e funcionários, e segredos comerciais.

Os cibercriminosos estão constantemente desenvolvendo novas técnicas para atacar as empresas, e os escritórios de contabilidade não estão imunes a esses ataques. Em 2024, a cibersegurança deve ser uma prioridade para os escritórios de contabilidade, a fim de proteger os dados dos seus clientes e evitar prejuízos financeiros e reputacionais.

Aqui estão algumas dicas de cibersegurança para escritórios de contabilidade:

  • Uso de senhas fortes e exclusivas para todas as contas online;
  • Ativação da autenticação de dois fatores (2FA) em todas as contas que oferecem essa opção;
  • Manter o software do escritório atualizado, incluindo o sistema operacional, o software de contabilidade e os antivírus;
  • Cuidado ao abrir e-mails de remetentes desconhecidos e não clicar em links suspeitos;
  • Fazer backups regulares dos dados do escritório e armazená-los em um local seguro;
  • Treinar os funcionários do escritório sobre cibersegurança.

Os escritórios de contabilidade também devem considerar a implementação de soluções de segurança mais avançadas, como firewalls, sistemas de detecção de intrusão e criptografia de dados.Além dessas tendências e tecnologias, outras mudanças também devem impactar a contabilidade em 2024, como a crescente demanda por serviços de contabilidade consultiva e a terceirização de serviços contábeis.

Contabilidade consultiva

A contabilidade consultiva é um modelo de negócio em que o contador atua como um consultor estratégico para o seu cliente, ajudando-o a tomar decisões de negócios mais informadas e assertivas. Os serviços de contabilidade consultiva podem incluir:

  • Análise de dados financeiros para identificar oportunidades e riscos;
  • Planejamento tributário e financeiro;
  • Assessoria em gestão de negócios;
  • Elaboração de relatórios gerenciais personalizados.
  • Os serviços de contabilidade consultiva são cada vez mais procurados pelas empresas, pois ajudam a melhorar a sua performance financeira e a aumentar a sua competitividade.

Terceirização de serviços contábeis

A terceirização de serviços contábeis é a contratação de uma empresa especializada para cuidar de todas as tarefas contábeis da empresa, ou de uma parte delas. A terceirização pode ser uma boa opção para empresas de todos os tamanhos, pois permite que elas economizem tempo e dinheiro, e se concentrem em suas atividades principais.

Os serviços contábeis que podem ser terceirizados incluem:

  • Elaboração e entrega de obrigações acessórias;
  • Contabilidade fiscal, trabalhista e contábil;
  • Gestão de folha de pagamento;
  • Elaboração de relatórios gerenciais.

A terceirização de serviços contábeis é uma tendência que deve crescer ainda mais em 2024, pois as empresas estão cada vez mais buscando formas de otimizar seus processos e reduzir custos.

Fonte: Contábeis. Link: https://www.contabeis.com.br/noticias/62197/novas-tendencias-e-tecnologias-na-contabilidade-para-2024/


ITCMD: descubra como reduzir impactos fiscais na sucessão de herança 

Diante das mudanças no Brasil em relação ao Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCMD), a sucessão de patrimônio acabou se tornando um ponto de atenção para as famílias, uma vez que o futuro de seus bens pode sofrer grandes impactos.

Novas alíquotas, segundo propostas do governo, podem mais do que dobrar a tributação, com o objetivo de melhorar a arrecadação.

Em vista disso, há uma implicação considerável no percentual do patrimônio familiar, que pode ser comprometido em caso de transmissão para beneficiários depois do falecimento.

De acordo com o especialista em mercado financeiro e de capitais, Caio Mastrodomenico, é necessário considerar estratégias de proteção patrimonial o quanto antes.

“Esse cuidado busca resguardar o patrimônio familiar e minimizar os impactos fiscais”, explica.

O especialista recomenda a constituição de uma estrutura organizacional por meio de uma holding patrimonial, associada ao benefício de uma apólice securitária.

Por meio dessas medidas,a apólice pode ser calculada com precisão em relação ao valor do imposto a ser pago no futuro, se houver falecimento. 

“Esta apólice, calculada com base no valor do patrimônio e do ITCMD, pode representar uma economia significativa, variando de 30% a 70%, dependendo da idade, tornando-se mais vantajosa financeiramente do que o próprio imposto”, detalha.

Diante disso, ao investir em uma apólice securitária, a família não apenas permite economizar recursos financeiros, mas também protege seu patrimônio, evitando que uma parcela significativa seja direcionada ao Estado no momento da transmissão para os herdeiros.

Fonte: Com informações da Carolina Lara Comunicação. Link: https://www.contabeis.com.br/noticias/62840/saiba-reduzir-impactos-fiscais-na-sucessao-de-heranca/


Estratégias inteligentes para recuperação de créditos de ICMS

A eficácia da gestão tributária é crucial para o sucesso financeiro de empresas no cenário empresarial brasileiro. Dentro do complexo sistema tributário, destaca-se o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) como um dos tributos mais significativos. A recuperação de créditos de ICMS surge como uma estratégia financeira inteligente com potenciais benefícios substanciais para as organizações.

ICMS: o que é?

O ICMS é um imposto estadual que incide sobre a circulação de mercadorias, prestação de serviços de transporte interestadual e intermunicipal, comunicação, energia elétrica, e entrada de mercadorias importadas. 

Compondo uma parte significativa da arrecadação estadual, suas diretrizes são regidas pela Lei Complementar 87/1998, conhecida como Lei Kandir, com regulamentações específicas em cada estado.

Contribuinte e repasse ao consumidor

O ICMS, enquanto imposto indireto, é repassado ao consumidor final no preço do produto ou serviço. O estabelecimento comercial que efetua a circulação da mercadoria ou prestação do serviço é o contribuinte do ICMS.

A recuperação de créditos de ICMS é um processo que permite às empresas reaver valores do imposto pagos indevidamente ou em excesso. Isso ocorre em situações diversas, como aquisição de insumos, exportações e participação em programas de incentivo fiscal.

Vantagens estratégicas

  • Melhoria do Fluxo de Caixa: a principal vantagem é a melhoria do fluxo de caixa. O ressarcimento de valores indevidos aumenta o capital de giro, proporcionando flexibilidade financeira para investimentos, pagamento de dívidas ou outras necessidades imediatas;
  • Redução da Carga Tributária: contribui significativamente para a redução da carga tributária. Ao recuperar créditos, a empresa, na prática, reduz seu passivo tributário, resultando em economia ao longo do tempo.

Benefícios Financeiros Detalhados: A recuperação de créditos de ICMS oferece benefícios específicos:

  • Aumento da Lucratividade: os valores recuperados representam receita adicional, impactando positivamente nos resultados financeiros.
  • Redução de Custos Indiretos: a menor carga tributária implica em alocação mais eficiente de recursos, direcionando-os para áreas estratégicas do negócio.
  • Melhoria na Competitividade: empresas que recuperam créditos podem oferecer preços mais competitivos, conquistando maior participação de mercado e fidelizando clientes.
  • Investimento em Crescimento: com fluxo de caixa robusto e carga tributária reduzida, a empresa pode investir em expansão, lançamento de novos produtos e entrada em novos mercados.

Modelos de recuperação de créditos de ICMS: simplificado e não simplificado

A escolha entre o modelo simplificado e não simplificado é crucial e depende das características da empresa.

Modelo Simplificado:

  • Requisitos Básicos: limite de crédito e documentação simplificada;
  • Vantagens: facilidade de compreensão, implementação mais rápida e menor burocracia;
  • Limitações: limite de crédito pode não beneficiar empresas com grandes volumes de créditos. Restrições documentais para operações tributárias complexas.

Modelo Não Simplificado:

  • Requisitos Básicos: sem limite de crédito e documentação detalhada.
  • Vantagens: adequado para grandes volumes de créditos e permite documentação precisa.
  • Limitações: procedimentos complexos, documentação extensa, processo demorado e custoso. Muitas vezes requer assistência de profissionais especializados em tributação.

Escolha do modelo adequado

A decisão entre modelos depende das necessidades e circunstâncias específicas da empresa. Empresas com volume significativo de créditos podem se beneficiar mais com o modelo não simplificado, enquanto aquelas com operações tributárias complexas podem encontrar no modelo não simplificado uma opção mais eficaz.

Estratégias para maximizar benefícios da recuperação de créditos de ICMS

  • Gestão Tributária Eficiente: manter registros detalhados e precisos, acompanhando mudanças na legislação tributária e contando com a assessoria de especialistas em tributação;
  • Análise de Créditos Não Utilizados: realizar análise minuciosa dos registros fiscais para identificar créditos não utilizados no passado;
  • Planejamento Tributário: estratégia proativa para revisão e otimização da carga tributária, considerando estruturas societárias, aquisições, fusões e benefícios fiscais.

A recuperação de créditos de ICMS, além de melhorar o fluxo de caixa e reduzir a carga tributária, eleva a lucratividade, reduz custos indiretos e amplia a competitividade. Para otimizar esses benefícios, as empresas devem adotar uma abordagem proativa na gestão tributária, cientes das oportunidades de recuperação de créditos disponíveis. 

Com orientação de profissionais especializados, a recuperação de créditos de ICMS se torna uma ferramenta poderosa para impulsionar o sucesso financeiro das organizações.

Fonte: Contábeis. Link: https://www.contabeis.com.br/noticias/62863/estrategias-de-recuperacao-de-creditos-de-icms/


Empreendedores devem focar no planejamento estratégico para 2024

Com a chegada do final do ano, os empreendedores começam a avaliar as realizações de suas empresas e programar as metas para o próximo ano. Para o empresário Marcos Alexandre, o planejamento estratégico é fundamental para um bom direcionamento. “As metas são aquilo que vão te levar a cumprir o planejamento estratégico, mas levando em consideração objetivos reais. É preciso pensar em projetos que possam ser cumpridos e desenvolvidos com maestria, e que se possível, superados durante o ano. A meta precisa ser desafiadora, mas também alcançável”.   O especialista destaca ainda que o desdobramento das metas por setores e períodos do ano ajuda o empreendedor a cumprir o que está planejado para o empreendimento.

Em uma avaliação interna, é importante destacar os objetivos principais, seja prospecção de novos clientes, marketing, diferenciação no mercado e treinamento do time. “As metas precisam seguir, principalmente, em três pilares: financeira, desempenho e satisfação dos colaboradores e felicidade dos clientes. Quem quiser se diferenciar tem que trabalhar mais, atrair novos compradores, aumentar os itens vendidos para os consumidores ativos, tem que se esforçar mais e focar bastante na satisfação do cliente, afinal quem manda é ele”, explica Marcos Alexandre. Em resumo, o planejamento estratégico serve como um roteiro que guia a empresa na definição de metas e ações necessárias para alcançá-las. Analisando cenários e recursos disponíveis, servindo como base para inovação e adaptação em um mercado em constante mudança. “Para um bom planejamento é preciso analisar as principais forças, quais são as limitações e as demandas do mercado e a partir daí criar pelo menos cinco objetivos principais, a partir daquilo que é possível dominar. Eu controlo treinamento para o meu time, a prospecção de novos clientes, meu marketing, contratar os melhores profissionais, se eu estou encantando o meu cliente, essas e outras são coisas que podemos controlar”, finaliza o CEO.

Fomte: Contábeis. Link: https://www.contabeis.com.br/artigos/62892/empreendedores-devem-focar-no-planejamento-estrategico-para-2024/

Deixe um comentário